The nutritional profile, glycemia, insulin resistance and Insul-tance from children and adolescents “Balance Food Project” in Santa Maria – RS

Maristela Zasso Pigatto Rigon

Abstract


The study aimed to evaluate the nutritional, glycemic and insulin profile and insulin resistance from children and
adolescents “Balance Food Project” in Santa Maria - RS. Eighty seven participants between 5 and 16 years, of both
sexes were evaluated. The data obtained were: anthropometric measures (weight and height), the input and output
or the last evaluation, blood glucose and fasting insulin and BMI was calculated. We conducted the nutritional
classification, the evolution of BMI, insulin and glucose profile, the evaluation of the criterion of 100mg/dl glucose
and insulin as criteria> 15 μUI / ml, we calculated the HOMA IR and the relation between glucose / insulin, compared
to four parameters of peripheral insulin resistance: HOMA IR, fasting insulin, glucose ratio / Point insulin
and fasting insulin cut by De Almeida (2008). There was predominance of females (56.3%), the age group between
9 and 10 years (39.1%), and obese (86.2%) reduction in BMI (65.5%) of glucose normal fasting (98.8%), blood
glucose values between 80 and 89 mg / dl (48.3%) and above 25 μUI insulin / ml for 31% of the participants. Insulin
resistance was positive: HOMA IR (46%), fasting insulin <15μUI/ml (57.5%), Glucose-insulin ratio (69%), and
cutoffs for fasting insulin De Almeida (2008) (78%). The project was effective in controlling weight. Childhood
obesity is already producing comorbidities. It is necessary to spread the Food Balance Project in Santa Maria, RS.

Keywords


child and adolescent obesity, glycemia and insulinemia, Insu-Linic Peripheral Resistance in Pediatrics; Body Mass Index in Pediatrics.

Full Text:

PDF

References


BENDER, S.C. Influência dos Fatores Ambientais na Obesidade

Infantil.Santa Maria: Centro Universitário Franciscano. 2006.

p. (Trabalho Final de Graduação apresentado ao Curso de

Nutrição - Área de Ciências da Saúde,do Centro Universitário

Franciscano, como requisito parcial para obtenção do grau de

Nutricionista – Bacharel em Nutrição). Acesso em 06.11.2011

Centers For Disease Control And Prevention. – 2000 CDC growth

charts: United States. In: www.cdc.gov/growthcharts. Acesso

em 06.11.2011

DATASUS (2008). Disponível em http://www2.datasus.gov.br/

DATASUS/index.php?area=0201 Acesso em 23.04.2011.

DE ALMEIDA, C. A. N., PINHO, A. P., RICCO, R.G., PEPATO,

M. T., BRUNETT, I.L. Determination of glycemia and

insulinemia and the homeostasis model assessment (HOMA)

inschoolchildren and adolescents with normal body mass index.

J Pediatria ( Rio J). 2008; 84(2): 136-140

DE ALMEIDA.C.A.N. XIII CURSO DE CAPACITAÇÃO EM

OBESIDADE INFANTO-JUVENIL. Departamento de Nutrologia

Pediátrica da ABRAN. São Paulo. 2010

GAINO, NM; AMANCIO, RC. Disponibilidade Domiciliar de

Alimentos Industrializados no Brasil: uma retrospectiva de 30

anos. In: Anais do XIV Congresso Brasileiro de Nutrologia, São

Paulo, 2010. International Journal of Nutrology, ano 3. Nº 2 Julho/

Dezembro 2010.

GEE, M; MAHAN, L.K., ESCOTT-STUMP, S. Controle do

Peso Corporal. In Krause (2010)

IBGE, Diretoria de Pesquisas. Coordenação de População e Indicadores

Sociais. Gerência de Estudos e Análises da Dinâmica

Demográfica. Projeção da População por Sexo e Idade para o

Período 1980 - 2050 - Revisão 2008. Disponível em:

www.ibge.gov.br. Acesso em 01.05.2011.

IBGE. POF 2008-2009- Antropometira e estado nutricional de

crianças, adolescentes e adultos no Brasil. Disponível em: http://

www.ibge.gov.br/home/presidencia/noticias/noticia_impressao.

php?id_noticia=1699

LAMOUNIER, J.A., L.F.B., W. V.R.S. Aspectos gerais da obesidade

na infância e na adolescência. In: Nutrição em Pediatria.

ª Edição. Barueri: Manole, 2009. p . 227-344

MELO, M. E. Custos da obesidade no Brasil e no Mundo. ABESO.

Disponível em: http://www.abeso.org.br/pagina/14/artigos.

shtml. Acesso em 10.05.2011

NOBRE, M. R. C et al. Prevalências de sobrepeso, obesidade

e hábitos de vida associados ao risco cardiovascular em alunos

do ensino fundamental. Med. Bras. vol.52 no.2 São Paulo Mar./

Apr. 2006.

OMS. Datos y cifras .Obesidad y sobrepeso. Nota descriptiva

N°311 Marzo de 2011.Sitio virtual: http://www.who.int/mediacentre/

factsheets/fs311/es/index.html. Acesso em 23.04.11

PADUA, E. C R., MARTINS, E.E., FERREIRA, MA F. A. et

al. Diagnóstico do estado nutricional de crianças de 6-10 anos

em escolas da rede privada de ensino da cidade de São Paulo.

Instituto de Pesquisa e Ensino Albert Einstein. São Paulo. 2008.

REGO, C.M.B.S.S., “Obesidade em idade pediátrica: marcadores

clínicos e bioquímicos associados a comorbilidade”.2008.

Dissertação de Candidatura ao grau de Doutor apresentada à

Faculdade de Medicinada Universidade do Porto

RIGON, MP; DOCKHORN,M.S.M.; HAEFFNER,L.S.B. Eficácia

do Programa de Atenção ao Desnutrido na cidade de Santa

Maria,RS. In: XXIX Congresso Brasileiro de Pediatria, Goiânia,

SBP. Avaliação Nutricional da Criança e do Adolescente:Manual

de Orientação. Departamento Cientifico de Nutrologia. Sociedade

Brasileira de Pediatria, Rio de janeiro, 2009

SBP. Obesidade na infância e adolescência: Manual de Orientação.

Departamento Científico de Nutrologia. Sociedade Brasileira

de Pediatria, Rio de Janeiro, 2012.




DOI: http://dx.doi.org/10.22565/ijn.v6i2.99

Refbacks

  • There are currently no refbacks.

Comments on this article

View all comments